terça-feira, 4 de novembro de 2014

Victoria

Um porta-sacos que torna qualquer cozinha num lugar mais inspirador...


Feita em lã, linho, feltro, pele-de-pêssego e cetim.


Cabelo em lã preta e laranja; chapéu em lã e feltro; olhos em botão.


Rosto pintado e bordado.


Bom Samhain!

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Almofada de Areia

Uma almofada de areia marítima para dores ósseas e musculares.
 
 
Basta aquecê-la no micro-ondas durante cerca de cinco minutos.
O seu calor dura mais de três horas, exalando os aromas frescos e medicinais do iodo e do sal.
Possui uma fronha lavável.  

sábado, 1 de março de 2014

Into Bloom

Porta-óculos em algodão estampado inglês com motivos florais. Forrado a feltro e cetim branco, com acabamento em cordão de lã verde-escuro.

 
Ferragem em tom de bronze, com vidrilhos verde-escuros no rebordo e renda pérola.

sábado, 28 de dezembro de 2013

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Sands of Time - Colecção «Metamorphosis»

Mala em tweed cinza-escuro e algodão às riscas (cinza e vermelho), inspirada nos emblemáticos padrões da arquitectura costeira, hoje uma memória do Romantismo que transportava as marés para as fachadas das casas.
Na Escandinávia, da qual o exemplo máximo é Bryggen (Noruega), o padrão perpetua-se nos entabuados onde os tons
Casa do século XIX na Vila de Parede,
 recuperada segundo a traça original.
de cinza, ocres, vermelhos, branco e preto são uma constante à beira-mar.

 
Igual de ambos os lados, apresenta um galão preto de veludo entrançado, com medalhões elaborados em feltro, tweed (do mesmo tweed da mala), renda preta, organdi vermelho, cetim, cristais da Boémia e cordões vermelhos com pendentes metálicos. Ao centro destaca-se uma borboleta branca.
 
 
Forrada a feltro e tafetá cinza-claro, com acabamentos em renda preta de algodão.
 
 
Ferragem em tom prata, com pega trabalhada e missangas transluzentes em tons de vermelho e negro.
 


sábado, 21 de dezembro de 2013

Metamorphosis - Marcador de Livros

Um novo começo...


Marcador de livros em tweed e feltro, enquadrado por renda preta, fita de organdi verde, laço em cetim verde-escuro centrado por um cristal da Boémia também em verde-escuro.
Ao centro acha-se uma borboleta branca, símbolo de albedo e transformação espiritual.

Alchemy - Pregadeira

Estranhos vapores ganham forma no crisol de um alquimista, a mutação opera-se a partir de dentro, a lagarta ganha asas e liberta-se da sua precária condição terrena; assim nos libertamos nós...
 
 
Pregadeira em tweed e feltro, enquadrada por renda tingida com chá preto, fita de cetim cinzenta, laço em cetim castanho-chocolate e vidrilho castanho. Ao centro destaca-se uma borboleta, símbolo de transformação.

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Chegada a hora escura, o caminho abre-se na direcção da luz.
A Dylluan deseja-vos um aconchegante Solstício...
 
 

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Enchanted Forest

Porque nas florestas mágicas as estações do ano seguem a sequência da imaginação, e os álamos brancos formam portais entre mundos de fantasia bicolor...

Da série "Contos de Fadas" - da qual fazem parte "Once Upon a Time" e "FairyTale" -, Enchanted Forest é inspirada nos cambiantes que marcam o compasso do tempo nos arvoredos.

 
Em algodão inglês, estampado com motivos florais, e pele-de-pêssego em tom verde-cinza, esta mala apresenta duas faces assinaladas pelo simbolismo dualista das folhas de álamo branco, cuja página inferior é clara.
 De um dos lados apresenta folhas verdes primaveris...


Do outro, folhas secas outonais. As folhas são feitas em feltro caseado e bordadas a ponto-pé-de-flor em tons de verde, rosa-velho e dourado.


Interior forrado a feltro com reforços laterais, tafetá e algodão "casquinha de ovo". Acabamentos em renda tingida com chá preto Earl Grey.


Laços em crochet de lã verde-escuros com missangas castanho-douradas e rosadas; ferragem em tom bronze com arabescos, fecho preto e missangas no rebordo. Possui, ainda, botões negros laterais em vidro, galão em cetim rosa-velho e verde-claro, e um cordão em cetim verde-seco. 

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Night Weaver



A luz inclina-se em reverência; o ar cristaliza-se em torno do silêncio que brota do orvalho. Só as estrelas deslizam pelo veludo gélido da noite mais longa.
 Ei-lo, o Nadir!
 
 
Porta-moedas em veludo-cristal (veludo de seda) azul meia-noite, com cristais ladeados por pequenas pérolas.

 
Forrado a cetim azul-escuro, com duplo entreforro em feltro e acabamentos em renda preta.
Ferragem em tom prata-velho com missangas translúcidas como contas de orvalho.

 

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Where the Rainbow Ends


Acima do olhar humano ocultam-se reinos feéricos que só o espírito alcança...

Porta-moedas de mão, em tweeds de tons violáceos, azul e magenta, com atilhos centrais em lilás-claro, galão em cetim azul-escuro, botões forrados a napa azul-cinza e laços laterais em crochet de lã azul-escuros com missangas prateadas translúcidas e folhas em feltro debruadas a lilás e prateado.

 
Forrada a tafetá preto, com duplo entreforro em feltro e acabamentos em renda lilás tingida com sumo de uvas tintas.


Ferragem em tom cinza-azulado, com missangas lilases e azuis no rebordo.

sábado, 30 de novembro de 2013

Under the Frost

... Porque existem cores que lavram em silêncio sob o manto da invernia...

Porta-moedas em algodão estampado inglês, em tons de verde e rosa-velho, e veludine verde-escura. Com galão em cetim verde-escuro e laços em crochet de lã do mesmo tom, com um vidrilho ao centro, igual aos vidrilhos laterais, e remates em forma de folhas verdes debruadas a rosa-pérola e dourado.
 
 
Forrada a algodão rosa-velho, com duplo entreforro lateral em feltro e acabamentos em renda cor-de-champanhe.
 
 
Ferragem em tom de bronze envelhecido, com arabescos e contas rosadas translúcidas. 
 

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Cranberry Grove

Inspirado nos frutos vermelhos cristalizados que enfeitam as nossas mesas de Natal, especialmente na uva-do-monte (arandos) e nas cerejas, este porta-moedas é confeccionado em tweed verde-escuro e vermelho, com rendas pretas de algodão e laços em cetim verde-escuros, centrados por vidrilhos vermelhos.
 
Um bosque solsticial para trazer dentro da mala...
 
 
Forrado a tafetá verde-seco, com duplo entreforro lateral em feltro e acabamentos em renda vermelho-rosada.

 
Ferragem em tom de bronze com fecho a imitar arandos vermelhos e rebordo enfeitado com pequenas contas espelhadas em tons petróleo.

 

domingo, 24 de novembro de 2013

Shining Shadow

Entre a luz e a sombra abre-se um portal para dentro de nós...

Inspirado na vertigem do Inconsciente, neste porta-moedas contrastam os tons prateados e brilhantes da ferragem, e das pérolas do fecho, com o veludo bordeaux-escuro.
 
 
Interior com acabamentos em renda de algodão preta. Duplo forro, em feltro e tafetá cinza-claro.
 
 
Laços laterais em cetim e organdi...
 

sábado, 16 de novembro de 2013

Misty Sunset

A luz crepuscular envolta em neblinas frias inspirou este porta-moedas em tweeds cinzentos com fitas de veludo bordeaux e pequenos vidrilhos.


Forrado a cetim bordeaux com entreforro em feltro e acabamentos em renda pérola tingida com chá preto Earl Grey, uma curiosidade que não poderia deixar de mencionar...

 
Ferragem em tom prata-velho, com missangas pretas e vermelhas aplicadas no rebordo.
 

domingo, 10 de novembro de 2013

FairyTale

 Inspirada nas florestas dos contos de fadas, esta bolsa combina algodão estampado com bombazine.
 
 
Com triplo forro em tafetá, algodão e feltro, botões laterais forrados a cetim, galão em cetim e cordão com contas leitosas. Acabamentos interiores a renda tingida com chá.
 
 
 Contas coloridas e translúcidas no rebordo da ferragem falam-nos dos tons do bosque à luz filtrada pelo arvoredo... Uma promessa de Primavera sob o manto da invernia...